Crossminton em Quixidá

No final do ano de 2019 o “speeder” do Crossminton chegou mais uma vez no nordeste do país, só que agora no interior do Ceará.

O município de Quixidá é a maior cidade do Sertão Central e por lá a peteca de badminton já estava fazendo sucesso antes mesmo do speeder do Crossminton cair por lá.

O professor de Educação Física, Luís de França profissional dedicado ao Badminton já estava na região desenvolvendo a modalidade Badminton a alguns anos.

Professor Luis de França (camiseta azul)

No final de 2019 a novidade no interior do Ceará, foi a inauguração do novo centro esportivo em Quixidá, o Viva Sport Center.

O professor Luís de França está à frente do Centro Esportivo e sempre trazendo novidades. Em um intercâmbio com colegas do Badminton trouxe uma vivência da modalidade crossminton para o Viva Sport Center.

A peteca do crossminton se chama “speeder” e é um pouco mais pesada que a peteca do badminton, sendo assim a modalidade pode ser praticada ao ar livre.

O outro diferencial da modalidade é o fato de não ter uma rede para dividir os campos, o que torna a logística da montagem da quada muito mais fácil.

Poder jogar uma modalidade de raquete com peteca ao ar livre era o que falta no Viva Sport Center.

Nós de São Paulo ficamos muito felizes com essa iniciativa e ficamos à disposição para ajudar no que pudermos no desenvolvimento da modalidade crossminton em Quixidá.

Avança crossminton.

Sandra Sorpreso

Club Racket

Comente!

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcado com *